terça-feira, junho 26, 2012

regresso.



Não quero voltar a sentir-me assim, aprisionada pelo tempo que te impede de regressar ao meu mundo. Se retornasses a respirar em meu redor, não poderia ser em partes ou apenas quando a tua rotina o permitisse. Volta apenas se pretenderes redimir-te de todo o sofrimento que me causaste e se realmente te arrependeres e tiveres consciência do quanto a saudade sempre me trucidou o ânimo. Estou cansada de sentir-me tua apenas esporadicamente, quando recordas-te da minha existência ou a tua pele volta a suplicar pelo toque da minha. 

4 comentários:

Adriana Teles disse...

gosto.

Ana Margarida disse...

Muito bonito. Não deixes que ele te dê carinho somente em momentos temporários.

Catarina disse...

gostei do texto, mas está um pouco triste ...

aninhasbarreto disse...

bem , acho que estamos em plena sintonia querida , também me identifiquei bastante com este texto ^^