segunda-feira, março 12, 2007

Demasiado presente...


Hoje sinto a tua falta. Pela enésima vez sinto a tua falta. Sem querer penso em ti. Tento tirar-te do meu pensamento, mas descubro que ainda estás no meu coração. Alguém usou super-cola ao pôr-te lá. Terei sido eu, que com o desejo de te ter sempre ao meu lado a usei para não fugires? Não me recordo. Procuro-te com os olhos mas não estás. Claro que não estás. Fugiste de mim há já muito tempo. Desististe de mim. De nós. A super-cola não te manteve ao meu lado. Mas infelizmente, mantém-te preso ao meu coração. Quero libertar-me de ti. Quero esquecer-te. Mas não consigo. E ao pensar que te quero esquecer, assalta-me o pensamento uma frase que usaste muitas vezes: "Nunca te esquecerei." Percebo agora que a mentira era algo para que tinhas jeito. E quero odiar-te . Mas não é possível. Estou destinada a viver sem ti, mas contigo sempre presente na memória...

1 comentário: