quinta-feira, maio 18, 2006

Rascunho


Não há caneta que consiga passar para o papel o que ela sente, não há descrição que consiga explicar aquilo que acontece na sua torcida forma de pensar...
Fala por enigmas, frases repletas de duplo sentido, ambiguas, palavras impregnadas de sentidos maniacos e insanos, deixando ideias erradas nas pessoas certas.
Vive de metáforas doentes porque perdeu o sentido da realidade, devido á intensidade com que sonhou os seus sonhos...

3 comentários:

Anónimo disse...

Your are Nice. And so is your site! Maybe you need some more pictures. Will return in the near future.
»

Anónimo disse...

Nice colors. Keep up the good work. thnx!
»

Anónimo disse...

I find some information here.